Encontro no Tempo

08:28:00



Acredito que os casais mais felizes encontraram-se, não na internet, no acaso ou na fila da padaria. Eles se encontraram no tempo.

A sincronicidade entre duas pessoas faz com que elas vivam no mesmo tempo, olhem para o mesmo futuro e tenham abandonado seus respectivos passados. Aprenderam com o que viveram, sonham motivados pelo espírito livre e escolheram viver com o aprendizado das escolhas feitas no passado. Mas o passado ficou. Passou. Virou um ponto de lembrança.

Mas a dinâmica da vida reside justamente nisso, em nossas escolhas.

O tempo me ensinou que quando não fazemos escolhas, a vida acaba fazendo por nós, e se por um lado podemos perder algo em uma opção errada, deixar de escolher pode nos fazer perder tudo.

O brilho da vida é o reflexo de nossa caminhada e depende de nossa disposição em jamais parar, seja no tempo, ou em escolhas que venceram o prazo de validade. Assim, podemos mudar nossa direção diante de fatos que nos são impostos, mas nunca voltamos atrás. Isso parece tão óbvio quanto de fato é: Só voltamos ao passado em filmes de ficção científica, ou quando escolhemos enterrar nossos sonhos no presente...

Talvez nosso maior erro nessa vida seja segurar na mão de uma pessoa que ainda esteja com suas âncoras fincadas em águas paradas, passadas. É preciso então seguir sozinho para outros mares, outras praias, seguir em frente em busca de novos erros e acertos.

Parar no tempo e deixar a vida passar é o grande equívoco que leva o homem a negar a vida e somente sobreviver...

Faça suas escolhas e viva!

A vida é uma só e o único responsável pela sua felicidade é você mesmo!

Você Vai Gostar de Ler

0 comentários